Conheça os novos clientes de Google Search Appliance

Publicado por em 24 de fevereiro de 2014 Seja o primeiro a comentar

Dentro de alguns meses, mais 3 órgãos públicos brasileiros passarão a utilizar a tecnologia Google no seu sistema de busca. Além disso, 2 clientes de longa data renovaram suas licenças.

A Assembléia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul, o Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Sul e o Tribunal de Justiça da Paraíba adquiriram o Google Search Appliance. Já o TRF2, Tribunal Regional Federal que atende aos estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo, e o TRT4 renovaram seus contratos.

Cada órgão implementará a ferramenta conforme suas necessidades, mas o uso mais comum é na pesquisa à jurisprudência, sendo o caso do TCE-RS, TJPB, TRT4 e TRF2. A ALERGS utilizará o appliance para busca na internet e intranet da instituição.

A quantidade de licenças adquiridas também varia, mas em todos os casos a aquisição é de um appliance de produção e um de backup.

Isso dará ao cidadão e aos servidores destes órgãos uma melhor experiência de busca e contará com todas as funções avançadas do Google unificando as bases de informação e melhorando a qualidade do serviço público.


Google amplia sua liderança em busca

Publicado por em 3 de fevereiro de 2014 Seja o primeiro a comentar

Há tempos o Google é líder isolado entre os buscadores na internet. Em novembro de 2013, o site já contava com 92% da preferência dos usuários brasileiros, número que cresceu no final do ano passado.

A parcela de participação do Google.com.br nas buscas realizadas no Brasil subiu para 93,74% em dezembro de 2013 e, como se isso não bastasse, o Google.com (versão internacional do buscador) está em segundo lugar com 2,42%.


A caixa de busca mais utilizada do Brasil

Tanta popularidade não vem sem motivos, afinal é comum encontrar a informação necessária na primeira página do resultado de busca, milhares de engenheiros da Google trabalham continuamente para melhorar os algoritmos de busca e há uma gama de vantagens enorme que você tem ao utilizar o serviço.

A questão que fica é: como toda essa vantagem competitiva no mercado nacional e global se reflete no Google Search Appliance?

Como disse o próprio Presidente da Google Enterprise, os produtos que são destinados às empresas são derivados dos produtos que são entregues ao público em geral. Ou seja, a busca do Google.com que é utilizada diariamente por pessoas no mundo todo, o algoritmo de busca que é melhorado diariamente e os testes que refletem em melhorias constantes são incorporados ao Google Search Appliance, que ainda passa por melhorias e adaptações para o mercado corporativo.

Assim fica fácil entender por que a frase clássica “o Google Search Appliance faz pela sua companhia o mesmo que o Google.com faz pela internet” tem tanto sentido!

A LAI, Lei de Acesso à Informação, contém um artigo que determina que os sites de órgãos públicos deverão:

“conter ferramenta de pesquisa de conteúdo que permita o acesso à informação de forma objetiva, transparente, clara e em linguagem de fácil compreensão.”


Parlamento Tailandês passa a utilizar Google Search Appliance

Publicado por em 4 de novembro de 2013 Seja o primeiro a comentar

Bandeira da Tailândia

Com mais de 350.000 documentos hospedados em seus servidores, incluindo notícias, e-books e vídeos, a maior biblioteca legislativa digital da Tailândia tinha problemas sérios com sua antiga solução de busca. Eram necessárias em torno de 10 pesquisas diferentes para que um usuário encontrasse a informação que procurava.

As principais causas dos problemas eram a complexidade do idioma local e a quantidade crescente de dados. O idioma Tailândes é bastante complicado e erros de digitação são muito comuns, o que impedia a solução de busca antiga de entregar resultados relevantes aos usuários.

“Tornou-se evidente que uma solução mais eficiente e intuitiva ao usuário era necessária se nós quiséssemos que o público em geral se beneficiasse da coleção da Assembléia Nacional.” – Dr. Adisak Sukul, Departmento de Ciências da Computação

O Google Search Appliance (GSA) foi a tecnologia escolhida para solucionar esses problemas. Segundo dados do site futuregov.asia, a implementação da ferramenta aumentou em 10 vezes a velocidade de busca e em 200% o tráfego dos usuários no sistema.

O Google Search Appliance foi a melhor solução por diversos motivos. Além dos benefícios já citados, o appliance não apresentou barreiras para integrar-se à infra-estrutura, sua busca universal permite com que documentos de diferentes repositórios sejam encontrados a partir da mesma caixa de busca e, o principal, o GSA possui um dicionário nativo que é capaz de reconhecer de forma inteligente o idioma Tailândes, acabando com os problemas de complexidade da língua e erros de digitação nas pesquisas.

Há ainda um bônus, agora o conteúdo de cada documento pode ser encontrado já nas buscas realizadas no Google.com e em outros sistemas de busca, ou seja, o conteúdo público da biblioteca agora é facilmente localizado na internet e não somente dentro do site do órgão.

Fonte: http://www.futuregov.asia/articles/2013/oct/22/new-search-engine-thailands-largest-digital-legisl/


Universidade de Dublin utiliza tecnologias Google para manter o pessoal informado

Publicado por em 28 de outubro de 2013 Seja o primeiro a comentar

UCD Dublin

Com mais de 30.000 estudantes e 6.000 funcionários, a UCD (University College Dublin) é a maior Universidade da Irlanda. Diante da necessidade de melhorar a comunicação com os alunos e facilitar o acesso a informação pública e privada, a instituição encontrou a solução no Google Search Appliance e no Google Apps.

Diferentes soluções foram aplicadas. No caso do Google Calendar (ferramenta do Apps), os alunos recebem a programação das aulas e da universidade diretamente no seu calendário. Brian Morrissey, Diretor de Serviços Web da UCD afirma que essa foi a principal melhoria, uma vez que se torna muito fácil para os alunos se manterem atualizados, além disso agora eles conseguem acessar essas informações em seus tablets e smartphones.

O Google Search Appliance entra como facilitador para os alunos e interessados encontrarem informações públicas no site da instituição e para os funcionários localizarem com mais agilidade informações que estejam na intranet. Segundo dados da própria UCD, são mais de 500.000 documentos e, hoje, estão sendo feitas mais de 60.000 pesquisas por mês.

A economia para a universidade é de U$ 330.000,00 por ano com o uso dessas duas soluções providas pela Google. Além do ganho em tempo e organização com as soluções de busca e calendário, o Gmail trouxe ganhos em armazenamento. Com a solução antiga de email, a organização vivia em constante preocupação em relação ao espaço de armazenamento desses emails. Além disso, a equipe de TI, agora, pode se focar em desenvolver novos serviços e soluções para a Universidade, uma vez que não há mais preocupação com servidores locais.

fonte: http://googleenterprise.blogspot.com.br/2013/10/google-apps-and-google-search-appliance.html


Os porquês da política de renovação do Google Search Appliance

Publicado por em 24 de outubro de 2013 Seja o primeiro a comentar

A Google é líder mundial entre os buscadores, uma gigante da tecnologia e também uma das marcas mais valiosas do mundo. Sua divisão corporativa, a Google Enterprise, incorpora a órgãos públicos e companhias privadas uma expertise inestimável através de variados produtos e serviços.

O Google Search Appliance (GSA) é a ferramenta que faz pelas companhias o mesmo que o Google.com faz pela internet. Enquanto uma pessoa que precisa encontrar uma informação na imensidão da internet procura no Google, um colaborador cuja empresa possui milhões de documentos na sua rede interna pode encontrar um documento específico através do Google Search Appliance.

A busca está no coração da Google, é o serviço que transformou uma empresa de garagem em uma das maiores do mundo. A Google não vende um hardware de busca, ela vende o serviço de busca. O hardware (o Google Search Appliance) está incluso no pacote para garantir a qualidade desse serviço.

“Entendi, mas o que isso tem a ver com a política de renovação do Appliance?”

A Google entende que o GSA, depois de um determinado tempo, não conseguirá mais garantir a qualidade do serviço, pois se trata de uma máquina e máquinas ficam defasadas. Máquinas defasadas precisam ser trocadas.

Se você possui um smartphone ou notebook comprado há mais de 3 anos, sabe do que estamos falando. Veja as duas imagens abaixo, na primeira há smartphones que estavam disponíveis no mercado em 2009 (4 anos atrás) e na segunda, aparelhos mais atuais. Diferentes não?

smartphones em 2009

2013

Assim como os smartphones, O Google Search Appliance ganha novas funcionalidades, melhorias e se torna mais rápido com tempo, pois os engenheiros da Google estão constantemente trabalhando nisso e – muito importante – testando essas funcionalidades todos os dias, no mundo todo, através do Google.com.

A Google oferece licenças de dois e três anos para o GSA. A renovação dessa licença inclui suporte técnico, atualizações de software e a substituição do hardware. Quando a licença expira, o Appliance não faz mais buscas nem indexa, pois se o fizesse poderia comprometer a qualidade da busca, já não entregando os resultados com a devida velocidade e relevância.


AGFA incorpora Google Search Appliance a sua intranet

Publicado por em 22 de outubro de 2013 Seja o primeiro a comentar

A AGFA é líder mundial em fornecimento e soluções de hardware e software para imagem digital a diversos mercados, sendo os principais a saúde e a indústria impressa.

Agfa HealthCare

Há vários anos, segundo o blog da Comma Group, a AGFA vem tendo problemas com excesso de informação e diversidade de fontes de dados, tornando necessária uma abordagem estratégica para facilitar aos colaboradores da companhia encontrarem informação relevante e agilizar seu dia-a-dia de trabalho.

O Google Search Appliance (GSA) foi a solução escolhida para tal, tanto pelo seu desempenho quanto pela sua compatibilidade com diferentes ambientes. No caso da AGFA, a solução de busca corporativa do Google indexa bases que rodam em Alfresco, Lotus Notes e os websites da intranet corporativa da companhia.

Aos ambientes que o GSA não possui compatibilidade nativa, como é o caso do Lotus Notes, há conectores disponíveis no mercado.

Na primeira fase da implementação, foi indexado o conteúdo público da intranet corporativa da companhia e a busca foi centralizada em um único front-end, eliminando a necessidade de buscar em diferentes locais informações de diferentes bases.

Screenshot Intranet AGFA

Acima, a divulgação interna da AGFA sobre sua nova busca.


Google comemora seus 15 anos com Doodle jogável

Publicado por em 27 de setembro de 2013 Seja o primeiro a comentar

Você com certeza já viu na televisão ou até já bateu em uma “pinhata” de aniversário. Aquele balão que fica pendurado nas festas infantis cheio de doces e brinquedos dentro leva essa nomenclatura.

O Google, para comemorar seus 15 anos, traz um divertido jogo no Doodle de hoje. Basta dar Play na tela inicial do Google.com e utilizar a barra de espaço para bater no balão em formato de estrela e derrubar os doces.

Google Doodle

É cultura da gigante de busca substituir seu logotipo por animações ou mini-games em datas especiais, homenageando pessoas que fizeram história, eventos importantes e comemorando pelos mais variados motivos.

Na página do Google Doodles você pode conferir todos os Doodles anteriores da companhia e seus respectivos significados. Mais do que isso, existe uma loja no Brasil, a Zazzle, que vende camisetas e acessórios com as artes dos Doodles estampados.

Camisetas Google Doodle


PPG em Linguística Aplicada da UNISINOS com vagas abertas

Publicado por em 26 de setembro de 2013 Seja o primeiro a comentar

Com inscrições abertas para o curso de Mestrado com início no primeiro semestre de 2014, o Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada da Unisinos conta com área de pesquisa voltada a informática jurídica. O projeto conta com duas bolsas de Mestrado para o projeto “Tecnologias Semânticas Aplicadas à Recuperação de Informação Jurídica”.

Com o objetivo de avançar as investigações em Linguística Aplicada, o Programa abriga pesquisas sobre diversos temas a partir de diferentes teorias que alimentam suas linhas de pesquisa. É o único Programa de Pós-Graduação a oferecer o curso de Doutorado em Linguística Aplicada do sul do País. – http://www.unisinos.br/mestrado-e-doutorado/linguistica-aplicada

Para concorrer às vagas, o tema CNJ-Acadêmico é requisito. A coordenação do projeto está nas mãos de uma parceira da E-Storage, a Profa. Dra. Rove Chishman.


Comunicado de indisponibilidade parcial dos serviços da E-Storage

Publicado por em 11 de setembro de 2013 Seja o primeiro a comentar

Ontem as 15h houve uma pane elétrica em nosso prédio, o que afetou a infraestrutura de comunicação.
Dessa forma estamos sem telefones e internet, trabalhando em regime de contingência para alguns serviços essenciais da empresa.
Por este motivo também, nossos telefones incluindo o 0800 para suporte estão inoperantes.
Dessa forma, solicito aos nossos clientes de suporte que utilizem outros canais de comunicação para a abertura e acompanhamento de chamados.

Os canais disponíveis são:
suporte@e-storageonline.com.br
http://www.e-storageonline.com.br/suporte/

Nossos e-mails e CRM estão operando normalmente, mas mesmo assim pode haver algum atraso no tempo de resposta.
Para demais atendimentos, solicitamos que façam por e-mail ou através dos seguintes telefones:

Assuntos administrativos, financeiros e operacionais: (51) 9219-8172
Assuntos técnicos, projetos e prova de conceito: (51) 9355-9113
Assuntos comerciais: (51) 9218-9467

Assim que reestabelecido totalmente os serviços comunicaremos novamente por meio do site da E-Storage.

Eduardo Ribeiro Guimarães Neto
Gerente


Busca da NIVEA ao estilo Google no mundo todo

Publicado por em 5 de setembro de 2013 Seja o primeiro a comentar

Mantida pelo grupo alemão Beiersdorf AG, a NIVEA é uma das mais relevantes marcas de produtos para cuidados com a pele do mundo. Para se adaptar as mais atuais necessidades do seu público, a companhia passou a utilizar a tecnologia de busca do Google em seus sites no mundo todo.

 

Logotipo da NIVEA

 

“Aos nossos usuários, ele (o Google Search Appliance) oferece a mesma facilidade, velocidade e experiência de busca relevante que eles já conhecem do Google.com” – Felix Müller, Gerente Internacional de Marketing Digital da Beiersdorf AG em publicação no Blog da Google Enterprise

A busca do Google Search Appliance (GSA) foi implementada em 74 sites convencionais e 12 mobiles com o objetivo principal de transformar potenciais consumidores em clientes. A motivação para melhorar a experiência de busca é que muitos clientes da NIVEA utilizam a internet para encontrar produtos da companhia, logo, facilitar essa tarefa é uma ótima estratégia.

As buscas funcionam da mesma forma em todos os países em que foi inserida, porém se diferenciam no quesito idioma. A função de autocompletar do GSA se molda ao idioma do usuário, de forma que ao começar a digitar, por exemplo, “prot” na caixa de busca, no site do Brasil o usuário receberá sugestões como “protetor solar” enquanto que nos Estados Unidos a sugestão incluirá “protect body from sun” e similares.

 Interface do site brasileiro da NIVEA

Interface do site Americano da NIVEA

Exemplos de autocompletar nos sites brasileiro e americano, clique nas imagens para ampliá-las.

Funcionalidades como o thesaurus permitem que o appliance saiba que termos deve sugerir ao usuários. Em paralelo a ferramenta conta uma inteligência que aprende novos termos conforme a busca é utilizada.

A interface do resultado de busca mantém o estilo Google, ao qual todos já conhecem e é bastante fácil de utilizar.

Resultado de busca do site da NIVEA Interface mobile do site da NIVEA

Interface web (site do Brasil) e mobile (site dos EUA) do resultado de busca da NIVEA, clique nas imagens para ampliá-las.